quarta-feira, 18 de maio de 2011

Meu caminho


Eu andei por horas e em todo o caminho eu pensei em voce, ao sentir todo aquele frio de batia em meu rosto e me fazia querer a todo tempo o teu corpo quente, os teus braços me segurando e queria tambem tuas mãos quentes por dentro da minha camisa, me causando arrepios e um agrado, por todo aquele caminho eu pensei que o meu lugar era mesmo com você, pois voce era minha calma, e eu era a tua, eu tenho medo de me perder no caminho, eu tenho medo de não ter mais voce para me guiar, eu olhava para o céu e via estrelas que me lembravam voce, não sei bem o porque, talvez seja por causa de todo o brilho, ou toda a perfeição, perfeição que eu desejo todo dia, desejo e preciso como o ar que respiro.